Google+ Badge

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Oscar 2015

O Oscar 2015, que aconteceu na noite deste domingo (22/2), em Los Angeles, consagrou o diretor mexicano Alejandro Gonzáles Iñárritu, que levou os três prêmios mais importantes da noite com Birdman: melhor roteiro original, melhor diretor e melhor filme.
Sem muitas surpresas, a Academia premiou Eddie Redmayne (A teoria de tudo) e Julianne Moore (Para sempre Alice) com as estatuetas de melhor ator e atriz, respectivamente.

Nas categorias de melhor ator e atriz coadjuvantes também se confirmou o que já vinha rolando em premiações anteriores, sendo vencidas por J.K. Simmons (Whiplash) e Patricia Arquette (Boyhood), que fez um discurso emocionado pedindo igualdade de salários para as mulheres dos Estados Unidos.

Outro momento emocionante aconteceu quando Graham Moore (O jogo da imitação) recebeu o Oscar de melhor roteiro adaptado, revelando que tentou se matar quando tinha 16 anos por se "achar diferente", dizendo para todos que um dia já se sentiram dessa forma "continuarem estranhos".

Veja a lista de vencedores:
Melhor filme
Birdman
Melhor diretor
Alejandro Gonzáles Iñárritu (Birdman)
Melhor ator
Eddie Redmayne (A teoria de tudo)
Melhor ator coadjuvante
J.K. Simmons (Whiplash)
Melhor atriz
Julianne Moore (Para sempre Alice)
Melhor atriz coadjuvante
Patricia Arquette (Boyhood)
Melhor filme em língua estrangeira
Ida (Polônia)
Melhor documentário
CitizenFour
Melhor documentário em curta-metragem
Crisis Hotline: Veterans Press 1
Melhor animação
Operação Big Hero
Melhor animação em curta-metragem
Feast
Melhor curta-metragem em 'live-action'
The phone call
Melhor roteiro original
Alejandro G. Iñárritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris Jr. e Armando Bo (Birdman)
Melhor roteiro adaptado
Graham Moore (O jogo da imitação)
Melhor fotografia
Emmanuel Lubezki (Birdman)
Melhor montagem
Tom Cross (Whiplash)
Melhor design de produção
O grande hotel Budapeste
Melhores efeitos visuais
Paul Franklin, Andrew Lockley, Ian Hunter e Scott Fisher (Interestelar)
Melhor figurino
Milena Canonero (O grande hotel Budapeste)
Melhor maquiagem e cabelo
Frances Hannon e Mark Coulier (O grande hotel Budapeste)
Melhor trilha sonora
Alexandre Desplat (O grande hotel Budapeste)
Melhor canção
Glory, de John Stephens e Lonnie Lynn (Selma)
Melhor edição de som
Alan Robert Murray e Bub Asman (Sniper americano)
Melhor mixagem de som

Nenhum comentário:

Postar um comentário